jogos infantil

OPERAÇÃO

jogos infantil - Fábrica clandestina de ração animal é fechada no Paraná

A fábrica foi flagrada produzindo suplementos minerais para bovinos e outras espécies com o selo do Serviço de Inspeção Federal falsificado

Mapa e Polícia Federal fiscalizam fabricação clandestina de produtos destinados à alimentação animal no Paraná
Foto: Divulgação/Mapa

Uma operação conjunta do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e da Polícia Federal (PF) desativou uma fábrica clandestina de ração animal em Arapongas, no Paraná, nesta quarta-feira (31). A ação faz parte da 56ª Operação Ronda Agro do Programa Vigifronteira.

A fábrica foi flagrada produzindo suplementos minerais para bovinos e outras espécies com o selo do Serviço de Inspeção Federal (SIF) falsificado.

Além disso, foram encontradas substâncias proibidas, como defensivos agrícolas e medicamentos de uso veterinário, sendo utilizados na produção da ração.

Prejuízo e crimes

A operação resultou na apreensão de produtos, retenção de amostras e em um prejuízo de R$ 52 mil aos infratores.

Se confirmadas as suspeitas de uso de substâncias proibidas, os responsáveis podem responder pelos crimes de falsificação de produtos destinados à alimentação animal e falsificação de selo público.

Riscos à saúde

O Mapa alerta para os riscos do uso de produtos irregulares na alimentação dos animais, tanto para a saúde do rebanho quanto para a saúde humana.

As ações de fiscalização também são importantes para coibir a concorrência desleal com as empresas que cumprem a legislação.

Como se proteger

Os produtores rurais devem comprar ração apenas de estabelecimentos registrados no Mapa. O número de registro deve estar impresso na embalagem e rotulagem do produto. Em caso de dúvidas ou denúncias, o canal Fala.BR está disponível.

Já para consultar a veracidade do número de registro do estabelecimento acesse o link.

jogos infantil Mapa do site