nba bet

RIO DE JANEIRO

nba bet - Mapa dialoga sobre desenvolvimento da produção com agricultores do norte fluminense

Encontro visou discutir o plantio de soja no estado e explorar oportunidades relacionadas a crédito, seguro e licenciamento de produção

nba bet - Mapa dialoga sobre desenvolvimento da produção com agricultores do norte fluminense

O secretário adjunto de Política Agrícola do Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa), Wilson Vaz, reuniu-se com representantes do setor agrícola no norte fluminense do estado do Rio de Janeiro. O encontro teve como objetivo discutir o plantio de soja no estado e explorar oportunidades relacionadas a crédito agrícola, seguro agrícola e licenciamento de produção.

Participaram da reunião representantes da Embrapa, da Secretaria de Agricultura, Pesca e Abastecimento, da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, além de associações de produtores rurais, prefeitos da região e outras autoridades ligadas ao agronegócio.

Um dos principais temas abordados durante a reunião foi a inclusão da região norte fluminense no calendário de semeadura da soja. Essa medida visa minimizar os riscos de infestação pela ferrugem asiática, um problema comum na cultura da soja. Outro ponto em destaque foi o Zoneamento de Risco Climático (Zarc), que auxilia na determinação da época mais adequada para o plantio, visando obter uma produtividade máxima. Essas informações são essenciais para instituições financeiras na concessão de crédito, adesão ao Programa de Garantia da Atividade Agropecuária (Proagro) e contratação de seguro agrícola pelas seguradoras.

O secretário adjunto destacou que as demandas apresentadas pelo estado já estão em andamento no Ministério e têm avançado consideravelmente nas Secretarias de Defesa Agropecuária (SDA) e de Política Agrícola (SPA), em colaboração com a Embrapa. Há a possibilidade de que as portarias correspondentes sejam publicadas pelo Ministério antes do início do plantio da safra 2023/24, previsto para outubro.

A região norte fluminense, anteriormente voltada para a produção de cana-de-açúcar e petróleo, tem mostrado potencial para a produção de grãos, especialmente milho e soja, devido às condições climáticas e de solo favoráveis. Estima-se que cerca de 300 mil hectares na região possam ser dedicados à produção de grãos, aproveitando a proximidade com portos para exportação e o consumo regional desses produtos no suprimento alimentar da pecuária.

A reunião também contou com a participação de José Polidoro, representante da Secretaria Executiva do Mapa, Agnaldo Pinto da Silva, superintendente da SFA-RJ, e Raphael Silva de Santana, gerente nacional de agronegócios do Sicoob.

______

Saiba em primeira mão informações sobre agricultura, pecuária, economia e previsão do tempo. Siga o nba bet no Google News.
nba bet Mapa do site