b1 b

Tempo

b1 b - Nuvens carregadas, frente fria e chuva de até 150 milímetros; confira a previsão

Excesso de chuva nos próximos dias pode provocar transtornos nas lavouras, principalmente no Pará

A Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) continua atuando sobre o Norte e o Nordeste do país nesta segunda-feira (3). De acordo com a previsão do tempo para o dia, isso vai gerar nuvens carregadas, com o volume de chuva podendo chegar aos 150 milímetros (mm).

+ Em situação de emergência, Acre recebe mais R$ 1,4 milhão do governo federal

Será o caso, por exemplo, de Cruzeiro do Sul (AC), na fronteira do Brasil com a Bolívia. Segundo a meteorologia, deve chover 150mm no município do oeste acriano no decorrer das próximas 24 horas. Em Piripiri (PI), a previsão para o período é de acumulados na casa dos 120mm.

Fora a questão de nuvens carregadas, a frente fria será o destaque da vez no Centro-Oeste, sobretudo na faixa que pega o sul de Goiás e o sul de Mato Grosso. De acordo com a meteorologia, esse sistema será responsável por levar nebulosidade e chuva de modo esparso para essas áreas. A mesma condição é aguardada para o sul de Minas Gerais, por exemplo.

Por outro lado, o tempo firme deve predominar no restante do país ao longo desta segunda-feira.

Previsão do tempo para os próximos dias

pancadas de chuva - chuvas - previsão do tempo
Foto: Pixabay

A chuva será volumosa na faixa que vai de Santa Maria (RS) até a Lagoa dos Patos no decorrer dos próximos dias. Segundo a previsão, essa faixa do país deve registrar acumulados que podem chegar aos 150mm de terça-feira (4) a sábado (8). O mesmo volume, nesse sentido, deve ocorrer no norte do Piauí, no Pará, no norte do Ceará e no sul do Amapá.

100mm previstos para o período na porção leste de Mato Grosso e na divisa entre Acre, Rondônia e Amazonas. O tempo mais firme será destaque, todavia, na Bahia, no nordeste Minas Gerais, no Espírito Santo, em Alagoas, Pernambuco e Roraima.

Em Santa Catarina, no Paraná, em São Paulo e em Mato Grosso do Sul (menos o noroeste), a previsão do tempo indica acumulados de 10 a 15mm na somatória dos próximos cinco dias. Por fim, 50mm devem ser registrados em pelo menos cinco pontos do Brasil:

  1. Noroeste de Mato Grosso do Sul;
  2. Leste de Mato Grosso;
  3. Goiás;
  4. Norte São Paulo; e
  5. Sul de Minas Gerais.

Nesta terça-feira (4), uma nova frente fria deve chegar ao Rio Grande do Sul, onde será responsável por levar mais frio. As temperaturas devem aumentar durante a semana, mas irão voltar a cair a partir do próximo sábado, com mínimas de 7ºC nas serras catarinense e gaúcha.

Chuvas x trabalho de campo

tempo, chuvas, chuva, previsão
Foto: Pixabay

O excesso de chuvas no Norte e no Nordeste deve provocar transtornos nas lavouras, principalmente no Pará, onde o solo já se encontra bastante úmido. Assim, essas instabilidades devem atrapalhar os trabalhos em campo. Isso porque mais precipitação deve ocorrer durante a semana.

Vale registrar, por fim, que temperaturas caíram no Sul do Brasil no último fim de semana. Os termômetros chegaram a marcar 5,7ºC em Vacaria (RS) e 6ºC em Bom Jardim da Serra (SC). Associado à baixa umidade, esse frio contribuiu para formação de geada fraca nos pontos mais altos, mas não danificou os cultivos nas áreas de baixada.

_____________

Editado por:Anderson Scardoelli.

_____________

b1 b Clima: ouça opodcast diário sobre previsão do tempo e curiosidades meteorológicas. Apresentação de Pryscilla Paiva.

_____________

Saiba em primeira mão informações sobre agricultura, pecuária, economia e previsão do tempo. Siga o b1 b no Google News.

b1 b Mapa do site